5 museus secretos de Paris que merecem uma visita

5 museus secretos de Paris que merecem uma visita

Se já conhece o Museu do Louvre, Museu d’Orsay e/ou outros populares museus em Paris, esse post é perfeito para você. Vou te contar alguns museus de Paris que são “secretos”, aqueles que ainda não estão em todos os guias e roteiros de Paris.

No decorrer do post, você vai notar que alguns desses museus de Paris são na verdade antigas residências de artistas e de pessoas importantes que foram transformados em locais culturais. Eu, particularmente, adoro lugares assim. Acho que você se sente mais dentro da história ou até mesmo de uma outra época.

MUSESUS DE PARIS SECRETOS

 

museus-de-paris-la-vie-romantique

Musée de la vie romantique

Localizado nos arredores do famoso cabaré Moulin Rouge e do charmoso bairro Montmartre, esse museu ainda não caiu na rota da grande massa de turistas. O que não quer dizer que não vale uma visita, pelo contrário. É um museu pequeno, mas muito charmoso e com um café no jardim que é uma delícia nos dias de sol.

Antiga residência do pintor holandês, Ary Scheffer, a propriedade que pertencia à família do artista, foi comprada pelo estado para ser uma instituição cultural. Apesar do nome “Museu da vida romântica”, o museu retrata o ambiente artístico-literário do século XIX. Também abriga várias obras de Ary Scheffer, Ernest Renan e George Sand, além de exposições temporárias.

Informações práticas:

Endereço: Hôtel Scheffer-Renan – 16 Rue Chaptal, 75009 Paris

Aviso importante: O museu está fechado até o dia 31 de mai de 2018 para renovações e instalação de acesso para cadeirantes.

 

museus-de-paris-nissim

Musée Nissim de Camondo

Não muito distante do Arco do Triunfo, a antiga mansão do banqueiro Moïse de Camondo, faz você sentir a vibe de uma família rica vivendo em uma outra época. Nascido na Turquia e apaixonado por colecionar móveis e elementos decorativos da arte francesa do século XVIII, Moïse fazia da sua residência familiar, o seu próprio museu particular.

Após a morte do seu filho Nissim durante a Primeira Guerra Mundial, o banqueiro ficou arrasado e resolveu doar o seu palacete e toda a sua coleção em memória de seu filho.

Tranformado em museu, é possível visitar desde a cozinha até o quarto de Nissim de Camondo, podendo se encantar com a decoração no estilo Belle Epoque, várias obras de arte, belíssimas porcelanas, entre outros detalhes.

Informações práticas:

Endereço: 63 Rue de Monceau, 75008 Paris

Entrada: 9€

Horário: Aberto de quarta a domingo, das 10h às 17h30

 

museus-de-paris-montmartre

Musée de Montmartre

Considerado um dos museus de Paris mais charmosos, o Museu de Montmartre guarda o jardim que inspirou do pintor francês Renoir, um dos responsáveis pelo movimento impressionista.

Durante a sua visita, você vai ter a oportunidade de conhecer um pouco mais sobre o bairro favorito de grandes nomes da pintura e demais artistas (e meu também hehe).

Também vai ver diversas obras de artistas que fizeram parte da boêmia parisiense, além de cartazes antigos dos cabarés e casas de shows que faziam super sucesso na época. Além disso, vai conhecer as videiras mais antigas de Montmartre que ainda produzem vinho.

Claro, não menos importante, o jardim que é um encanto e que também tem um café, onde você pode comer um bolinho enquanto aproveita de um lugar que tanto inspirou o pintor Renoir.

Informações práticas:

Endereço: 12 rue Cortot – 75018 Paris

Entrada: Gratuita e com audioguia sair 12€

Horário: Aberto diariamente, das 10h às 19h. Durante os meses de abril e setembro, fica aberto até às 18h

museus-de-paris-gustave-moreau

Musée Gustave Moreau

Mais um antigo hotel particular localizado no 9º arrondissement de Paris que foi transformado em museu. O local abriga as obras de arte do pintor parisiense Gustave Moreau, daí o nome do museu, e uma escada gracinha demais que merece muito uma foto. Vale dizer que não é só a escada que chama atenção, cada andar da casa foi decorado no estilo Belle Epoque e possui algo que impressiona.

Diferente de outros museus, a casa de Gustave foi transformada em museu pelo próprio artista que começou a reforma, mas infelizmente não viveu pra ver o museu pronto. Hoje, é possível conhecer a residência e mais de 25 mil obras desse artista francês.

Informações práticas:

Endereço: 14 Rue de La Rochefoucauld – 75009 Paris

Entrada: 6€ (o ingresso

Horários: Aberto diariamente, exceto às terças, das 10h às 17h15

 

museus-de-paris-deyrolle

Deyrolle

É na verdade uma loja que parece um museu devido sua coleção de animais empalhados – todos mortos por causas naturais – e vários itens curiosos. É o paraíso dos estudiosos, cientistas e quem é fã de decoração. O lugar impressiona não só as crianças, mas também os adultos (eu mesma amei, ainda mais porque durante muitos anos achava que seria bióloga rs). Sem contar as exposições de arte frequentes.

Como eu disse, apesar de parecer muito com um museu de história natural, é uma loja. Então se ficar interessado em algo, não tenha vergonha de perguntar o preço aos funcionários do lugar.

Informações práticas:

Endereço: 46 Rue du Bac, 75007 Paris

Entrada: Livre

Horários: Aberto de segunda a sábado, das 10h às 19h

 

museus-de-paris-Victor-Hugo

Maison Victor Hugo

Localizado em frente a praça mais antiga de Paris, Place des Vosges, no bairro Le Marais, temos a antiga residência do escritor Victor Hugo. É possível conhecer onde morou o autor do romance Corcunda de Notre Dame. Victor Hugo tinha seu apartamento particular, assim como outros artistas e pessoas da elite, pois era uma moda da época.

O museu não é muito grande e nem muito conhecido, então é possível passear por todos os cômodos da casa tranquilamente, inclusive ver a mesa onde Victor Hugo escrevia seus clássicos literários. Muitos objetos que compõem a decoração são originais e foram doados pela família do escritor. Há também algumas réplicas para deixar o mais próximo possível de como era na época que Victor Hugo morava.

Informações práticas:

Endereço: 6 Place des Vosges, 75004 Paris

Entrada: Gratuita

Horários: Aberto de terça a domingo, das 10h às 18h

 

É isso, conhece algum outro museu de Paris que seja secreto e que mereça uma visitinha?? Me conta nos comentários. 😉

Bisous!

 

⇒Leia também:

Uma resposta

  1. Adorei! Ainda retornarei, agora para visitar esses museus maravilhosos.

Para dúvidas, comentários, sugestões ou só para dar um Oi mesmo:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *